Thursday, May 23, 2013

Estou tão blasé, mas tão blasé, que me podia matar e nem dar por isso :D

Wednesday, May 15, 2013

como eu queria saber o que é ser livre

ser livre para correr e saltar
andar pelos prados verdejantes
ou simplesmente lançar-me no mar

ser livre para cantar e despir
as pesadas vestimentas das obrigações

tirar o relógio do pulso
esse acessório que é apenas
uma algema do tempo para nos apressar

como eu queria saber o que é ser
absolutamente livre como a perfeição
que não existe

porque eu brilho no escuro
no pano alto, negro,
com o padrão das mil constelações
que como eu
brilham no escuro também

e porque voo como os pássaros
longínquos, negros,
com os bandos de mil geometrias
nos céus

eu gostava que fosses também livre
como eu, que pudesses beber dessa água
e nunca mais ter sede,
que conhecêssemos os dois a liberdade
e que ela não nos largasse mais