Wednesday, June 21, 2017

Para a Andreia

Cílios que dormitam e em REM se arrepiam, 
Cabelos longos escuros que ensaiam danças
Ela anda pelas ruas que trilha
Como mapas de tesouros para crianças 
E no seu sorriso cabe mais doçura do que num pote de mel
Conhecê-la seria sempre aventura
Se o destino não fosse cruel
Mas nada importa quando se está ao lado dela

Pois é uma bela guerreira que torna a vida amarela :) 
Post a Comment