Friday, October 02, 2015

Não há navio, só destroços, capitão!

O único rumo para todos nós
navegantes da vida e das suas marés
é em direcção à morte,
que poderá ser através da tempestade
ou senão apenas da bonança
quando os raios de luz ainda atravessam a escuridão.


Post a Comment